Vitaminas A, B e C são alguns dos nutrientes encontrados na banana. A presença de três tipos diferentes de açúcares naturais, sacarose, frutose e glicose, fazem com que ela seja uma ótima fonte de energia para o organismo, fornecendo 90 calorias a cada 100 gramas. Essa é uma fruta perfeita para abaixar o nível da pressão sanguínea por ter uma alta quantidade de potássio e uma pequena de sal. O mineral também combate o estresse e auxilia a aprendizagem.
 

Por ser rica em fibras dietéticas, ela ajuda bastante na digestão. Além disso, permite o fortalecimento dos ossos e dentes devido ao seu cálcio e magnésio. Como é rica em ferro, previne a anemia, já que o mineral auxilia na produção de hemoglobina. A banana também tem como benefício reduzir estresse e depressão e melhorar a visão graças à vitamina A e ao betacaroteno. Ainda contém diversos outros sais minerais como manganês, zinco, fluoreto.
 

Para quem busca a manutenção do peso, a banana é ideal quando consumida sem exageros. Sua grande quantidade de fibras alimentares ajuda a dar a sensação de saciedade e seu baixo índice calórico permite se manter em forma. Além de crua, pode ser consumida frita, cozida ou mesmo assada. Além disso, pode ser adicionada a batidas com leite e cereais matinais. Acrescentar aveia à banana amassada a deixa deliciosa e ainda mais nutritiva. Também é excelente consumi-la após atividades físicas, pois ela repõe nutrientes.
 

Existem diferentes tipos de banana: nanica, maçã, prata, da terra e ouro. Todas contêm, basicamente, as mesmas propriedades nutricionais. O que as diferencia é o sabor, aroma e textura. Tanto a banana quanto a bananeira também têm um uso medicinal. As flores da árvore podem ser usadas para combater a bronquite, e quando cozidas ajudam a controlar a diabetes. As folhas, quando usadas em compressas, também podem auxiliar quando há queimaduras.